Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OH POR FAVOR… Não, não leiam em jeito de pedido de atenção/ajuda, mas sim com a entoação de quem já não aguenta o que está a ver/ouvir.


31
Out17

Foi assim que o Oh Por Favor deu o 1º passo a 29/10/2016...

 

Numa altura em que queria fazer qualquer coisa, mas não sabia bem o quê, surgiu uma conversa de hora de almoço com algumas amigas e colegas de trabalho.

 

Não tenho jeito nenhum para as artes;

Ginásio nem pensar - A preguiça não mo permite;

Adorava fazer dobragens de animação, mas nem sei onde me deslocar para fazer um teste ou algo do género.

Escrever (a sério) está fora de questão, preciso de um escape e não uma preocupação/depressão/obrigação....

 

E um blog parvo?...

 

Nesse dia fui para casa e desatei a despejar parvoíce. Esse seria o tema!

Nada de temas passiveis de me deixarem ainda mais stressada. Nada de artigos de opinião porque:

 

1º Quem sou eu?...

2º Não queria um campo de batalha...

 

O Oh Por Favor nasceu para mim e para 3 ou 4 pessoas que ajudaram a impulsionar a coisa.

 

Estava longe de acreditar que dias depois surgiam os 1ºs subscritores... Pessoas que me liam por escolha própria e não por terem sido subornados por esta tão dócil pessoa...

 

E cria-se um bichinho que nos faz não querer largar o SAPO, e cria-se uma espécie de laço com algumas pessoas.

 

Não me lembro da última coisa que comecei e que mantive durante tanto tempo, mas sei que os 8600 comentários, as 906 reacções, as 12500 visitas, as 48600 visualizações em tudo contribuíram para este cantinho que tanto adoro.

 

A Chic'Ana, a Mula, a Mãe dos PP's, a C.S e o PA com os seus convites para participar em Blogs Alheios;

 

O meu Papagaio Giló, HD e a Hipster e o Moralezque me matam de vergonha sempre que os leio no meio da rua.

 

Os meus sábios Sónia Pereira, Robinson Kanes, Gaffe,  Psicogata e João Ratão.

 

A música da Sofia e os mimos da Desconhecida, da Miss Queer ,de uma das Osa's (qual delas), da mami e as Ladys!

 

A fantástica equipa SAPO com a sua infinita paciência para perguntas loiras e que promove um trabalho Ispantoso nesta plataforma 

 

Todos os outros que subscrevo e não refiro aqui, desculpem, não gosto menos da vossa companhia... mas não fui ver a lista de subscritores e de cabeça, não chego lá 

 

OBRIGADA, MESMO!

Por todas as gargalhadas e tudo o que tenho vindo a aprender! Sois Magnânimos

 

parab.gif

(gif da net)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Penúltima prova do Campeonato.

Temperaturas de 30ºC e a humidade a rondar os 100%.

 

Um piloto pode perder até 3 Kg por prova (então é isto...)

 

Este circuito é provavelmente dos mais desgastantes de toda a temporada e este desgaste estava bem reflectido no discurso do nosso MIG, ontem, quando mais uma vez foi entrevistado no parque fechado, por ter ganho mais uma corrida!!

 

Brutal, Parabéns Miguel. O 3º lugar no campeonato é teu!

 

(vídeo Youtube)

 

O Campeão de Moto2 também já está decidido, apesar de ainda faltar a prova de Valência dentro de 15 dias. Franco Morbidelli beneficiou da ausência do Suíço (parvo), Luthi, que se esbardalhou no sábado! (é assim mesmo)

 

Em MOTOGP p meu Vale fez um decepcionante 7º lugar.

O Campeonato só será decidido na última prova!.

 

Juro que me apetecia ir buscar o Puto ao aeroporto!!!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

ff.png

 

Hoje só cá vim para vos dar a conhecer um blog que adoro!

 

 Sou fã do A Torto e a Direito e do João Ratão!

 

Com bastante humor cáustico e requintes de malvadez (mentira, só requinte) o João vai dando o ar da sua graça com temas sempre atuais.

 

Confesso que gosto particularmente quando, a dada altura de um texto, o João faz com que nos percamos no meio de um qualquer devaneio só para voltar ao ataque ainda com mais força!

 

Não vou dizer mais nada.

Espreitem, espero que gostem!

 

(imagem tirada da net) 

Autoria e outros dados (tags, etc)

(continuação dos posts inicio e dia D)

 

Chegadas a casa, enviei mensagem á familia e amigos a dizer que tudo estava bem.

 

Como a pequena vinha com uma proteção nos olhos, cheios de fita adesiva, nada melhor do que tirar uma foto e colocar a legenda “Mascarilha”!

 

Ela não via, não me ia bater.

 

No dia seguinte nova foto, desta feita, a Mãe Maria com uns fantásticos óculos de sol (gentilmente cedidos pela minha T)…

 

Agora a legenda era “Obrigado, obrigado”.. A minha Amália começava um processo de recuperação fantástico.

 

Muitos mimos, visitas inesperadas e gotas.

 

A cada 3 horas, 3 gotas diferentes em cada olho.

 

A raiva ás gotas já era tanta que a dada altura a Mãe pergunta-me pelos 3 porquinhos e soube logo do que falava.

3pigs.jpg

(3 porquinhos)

 

Tudo aquilo que não devia ter feito fez.

 

Dei com ela a apanhar coisas do chão (não se devia baixar):

“eu não baixei a cabeça, fleti os joelhos”

 

Ao fogão (não podia estar perto de fontes de calor):

“Mãe…”

“Que é? Estou longe do lume” – com uma panela de água a ferver.

 

Com um frasco de lixivia aberto (nem preciso explicar):

“Usei só um bocadinho”.

 

A pegar em pesos:

“Não resisti…” Enquanto pegava na bisneta ao colo.

 

Foi á consulta passados 6 dias e “teve alta”, almoçámos fora e entretanto fui deixá-la a casa porque ia ter com uns amigos.

Como ia estar fora até tarde, voltei atrás para ir buscar um casaco (nem 10 minutos tinham passado) e já estava ela com um alguidar de roupa á cintura…

 

Cheia de saudades das lides domésticas…

 

No dia seguinte á operação (6ª feira) queixava-se que via tudo azul e nesse mesmo dia o médico explicou que era um excelente sinal.

 

O Azul é a 1ª cor que chega até nós.

 

No domingo, enquanto víamos um episódio dos Simpsons (que ela adora) dizia:

“mexeste na tv? Os desenhos estão tão amarelos…”

 

Aí percebi o quão necessária tinha sido a operação.

 

E agora é isto:

 

A caixa de comprimidos que afinal não é castanha mas sim lilás,

 

O carro da minha irmã que não é beige mas sim cinzento…

 

O botão da cafeteira elétrica que é verde e não amarelo…

 

e toda uma vida colorida que estava esquecida!

 

cor.jpg

(gif tirado da net)

Autoria e outros dados (tags, etc)

24
Out17

Vai, eu deixo-te ir.

 

Desde sempre que quis que te libertasses de mim, mas insististe.

 

Vai, a sério. Procura alguém que te mereça. Eu não sou esse alguém.*

 

Não acredito em pertenças. Não me pertences, eu não te pertenço.

 

Que ninguém se julgue dono de um outro.

 

Vai, a sério… Eu liberto-te.

 

Já não te suporto mais.

 

Baza daqui rinite! A sério... Olha p'rái tanto nariz merecedor!

Não me faças recorrer ao halibut. É que já tenho o nariz quase assado…

 

atchim.gif

(créditos na imagem) 

 

*pronto, até posso merecer, mas não ficava bem no ”texto”

Autoria e outros dados (tags, etc)

E eis que ás 5h12 da manhã de domingo, a Nossa Bandeira sobe ao lugar mais alto do pódio e ouve-se A Portuguesa do outro lado do mundo!

 

O Nosso Miguel ganhou a 1ª prova de Moto2 e eu não podia estar mais feliz de ter acordado ás 4h da manhã!!!

 

A prova foi limpinha para o bichino que a liderou desde o inicio.

 

A 3 ou 4 voltas do fim tive um mini AVC quando percebo que tinha começado a chover... (trocas de pneus e afins que poderiam ter ditado outro fim para o puto).

 

Mas o chavalo chegou a ter 6 segundos de diferença para o 2º classificado pelo que, mesmo tendo "desenrolado o punho" - como a quem diz... desacelerado - ainda conseguiu este feito!

 

O circuito Australiano é lindíssimo.

 

Com o mar como pano de fundo, não havia melhor cenário para o nosso Mig celebrar. (Já que a serra de Sintra deixou de assistir a este campeonato)

 

E foi lindo vê-lo a entrar com a moto na relva para se aproximar de um grupo de fãs. Ver a nossa bandeira lá longe, aquece a alma.

 

A mãe Maria até chorou! 

 

mig.jpg

(foto tirada da net)

LINDO, LINDO, LINDO!

 

Na categoria rainha, numa prova imprópria para cardiacos, em que houve vários lideres ao longo da prova, foi com muito orgulho que vi Il Dottore a conseguir um brilhante 2º lugar.

 

Para terem uma ideia de quão aguerrida foi ... o Valentino e o Marc ficaram com marcas de pneus de adversários nos seus próprios fatos... E nenhum dos 2 foi ao chão por milagre!

 

Os deuses do MotoGP estiveram claramente na terra dos cangurus e este ano nem vi nenhuma gaivota a ser atropelada!

Autoria e outros dados (tags, etc)

desafio.jpg

 

 

 

A malandra da Marina, uma das Ladys do Porque Sim desafiou-me para responder ao “Já fiz, Nunca fiz”.

 

Como não sou moça de virar as costas a um desafio, aqui me mostro a V. Exas. nos bons e nos maus momentos...

 

Eu nunca fiz um interail– Não fiz. Mas nunca foi o tipo de viagem que gostaria de fazer.Sou muito selectiva no que diz respeito ás minhas companhias e não gosto assim tanto de pessoas :D

 

Eu já participei num concurso– Nim… quando era miúda (há 5 anos, portanto) participava imenso em passatempos na Rádio Voz de Almada (conta?)

 

Eu nunca conheci a pessoa que mais admiro – Tirando familiares e amigos que admiro? Não. Admiro muita gente nos mais variados campos, mas nunca conheci ninguém  (ouviste Robinson?)

 

Eu já caí na rua– PFF.. não tenho grandes problemas com a gravidade, mas quando caio é digno de registo. Já, já caí e normalmente demoro imenso tempo a levantar-me porque fico sentada a rir!

 

Eu nunca desmaiei– Pois que já. Uma vez estava há 2 dias sem comer devido a uma amigdalite e levei uma injeção de penicilina. A dor foi tal que (juntando a fraqueza) me levantei rápido demais e a tensão arterial foi á vida. Acordei com um médico a dar-me estalos e a dizer que aquilo não era nenhum hotel, que estava na hora de acordar e ir para casa

 

Eu nunca estive em coma alcoólico - Não. Nem sei bem como…

 

Eu já experimentei drogas –Já… na minha adolescência. Dentro da loucura, (e se é possível dizer isto) até foi de forma responsável. Eu é mais álcool!

 

Eu nunca me vinguei de alguém que me fez mal – Ah, já! E deu-me imenso gozo! Mas tirando essa única vez sou pessoa de virar as costas e de deixar de reconhecer a existência de tal criatura.

 

Eu nunca tive um acidente–Se cair e partir os dentes da frente conta… Já

 

Eu já andei de avião– Já. E adoro, e andaria todos os dias ;D

 

Eu já bebi demais – Pff… já… mas não me lembro

 

Eu já confundi uma pessoa com outra – Já tive momentos de confundir pessoas até por outras de raça diferente.. Mas tudo devido á associação da minha condição de vesga com a falta de memória fotográfica. Uma desgraça.

 

Eu já me perdi num país/cidade estrangeira – Não, para além de ter uma boa orientação (menos a guiar-me pelo sol – história para outras núpcias) no estrangeiro redobro os cuidados.

 

Eu não sei se tive uma experiência paranormal – Não, a não ser que contem casos de conversas surreais com pessoas que parecem viver noutro mundo. Nesse caso já, diariamente

 

Eu já roubei – Não, nunca.

 

Eu nunca apaguei coisas do facebook por ter poucos likes– (Esta é fácil) Não, não tenho facebook.

 

Eu nunca traí alguém  – Eu já. Aprendi a lição.

 

Eu nunca deixei de falar com alguém que me magoou– Ah já! Mais do que uma vez. Não sem antes tentar perceber a razão!

 

E agora, sintam-se á vontade para "me desamigar"!

 

E quero saber mais sobre as senhoras donas C.S. e Miss Queer

 

(não me lembro se já responderam...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

18
Out17

Então numa noticia do NOSSO Miguel Oliveira, escolhem uma foto do Marc Marquez?...

 

Não basta serem de categorias diferentes, de equipas diferentes, de marcas diferentes... Não usam uma foto do nosso menino?...

 

Estou a sentir sentimentos

 

Aqui a noticia

 

 

ADENDA: O Sapo Desporto entretanto apercebeu se do lapso e já puseram uma foto do MIG. Uns fofos

Autoria e outros dados (tags, etc)

Começa a ronda da Ásia, o fim do campeonato está á porta.

 

Felizmente, ao contrário de anos anteriores, não me senti com forças para me levantar ás 6h am e ver a prova em direto. Foi o melhor que fiz.

 

O parvalhão do Valentino caiu e o Miguel ficou em 7º.

 

Próxima ronda, domingo ás 6h am novamente, em Phillip Island, Austrália.

 

Mudando drásticamente de assunto:

 

Sabem aquela sensação que temos todos os anos quando se fala de incêndios?

Aquela, que a experiência nos faz saber que no próximo ano estará tudo igual? 

 

O que dizer quando nem 4 meses após a tragédia de junho (não só de Pedrogão) o país passa pelo que passou ontem?...

 

Que venha a chuva, a rodos.

 

rain.gif

 (gif tirado da net)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

(continuação)

 

Tudo a postos para avançar com a cirurgia e começa a ansiedade.

 

Da minha parte uma pilha de nervos e alguns receios, da parte da Mãe Maria uma excitação tipo criança-de-6-anos-que-vai-á-Disneylândia!

 

Eu e uma das minhas irmãs (a Chucha) combinámos horários, quem levava e quem ia buscar a criança á escola, perdão, a mãe a casa…

 

Andámos 1 semana a decidir se devíamos ou não fazer Sua Exa. assinar um termo de compromisso em como nos dias seguintes á operação faria tudo o que nós mandássemos (ou não conhecêssemos nós a prenda)...

 

“Mãe, até indicação em contrário POR PARTE DO MÉDICO, não pegas em pesos, não te baixas, não mexes em detergentes, não vais para o fogão…” (posso vos dizer desde já que fez isto tudo)

 

“Está bem, está bem! Eu prometo que não faço nada disso” – quase em fúria, porque não é nenhuma criança!

 

Na antevéspera da dita perguntava-me – no seguimento de um anúncio de jackpot do euromilhões – “se te sair o prémio na 6ª vais-te logo embora?”

 

“Não mãe, está descansada que eles demoram 2 meses a pagar o prémio”…

 

Chega então o dia D!

 

Fui ter ao HPA (Hospital Particular de Almada) ás 17h e a minha irmã estava cá fora á minha espera.

 

“A mãe??’” – sim, eu sou filha galinha

 

“Calma, já subiu e está a fazer a dilatação á vista”

 

Estivemos 1h e pouco na sala de espera, não porque a cirurgia seja complicada mas porque para além do tempo da preparação, a recuperação da anestesia leva o seu tempo. Pareceram-me 6 horas…

 

A dada altura oiço uma broca… SERÁ QUE ESTAVAM A USAR AQUILO NA MINHA MÃE???????

 

A Chucha fez malha, gozámos com parte das figurinhas que estavam na sala de espera, debitámos parvoíce em barda da boca para fora. E o tempo não passava.

 

Vemos o médico. Dr. Victor Ruiz…

Eu ainda não o conhecia, foi sempre a Chucha a acompanhar a nossa velhota.

 

Fiquei apaixonada!

 

Correu tudo bem e quando finalmente pudemos ir ter com a pequena, lá estava ela “a curtir a pedrada da anestesia” – rimos a bom rir com as saídas fantásticas da mãe.

 

Parecia que tinha estado 7 anos sem falar. Falou, falou, falou, falou e … não se lembra de nada.

 

talk.gif

Estávamos para sair quando vem uma enfermeira (lamentavelmente não sei o nome) e diz á minha mãe: "Minha Princesa, deixe-me dar-lhe um beijinho. A sua mãe portou-se lindamente! É uma querida"

 

Sabem o ditado "quem os meus filhos beija, minha boca adoça"?... Virei diabética nesse momento

 

(continua)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D